Pepinos e Gatos: Por que eles têm medo?

Pepinos e Gatos: Por que eles têm medo?

Alguns vídeos mostram como gatos se assustam instantaneamente quando visualizam um pepino por perto. Por que será?

 

gatos e pepinos

 

O gato está distraído se alimentando, ou fazendo qualquer coisa rotineira quando… um pepino! Pois é, o susto é bem grande, alguns pulam para longe outros correm, mas acredite, em relatos reais há aqueles que simplesmente ignoram a existência do legume. A pergunta que fica é: afinal, porque os gatos se assustam com pepinos?

 

Motivos

O problema do gato não é com o pepino em si, mas com a situação inusitada. O instinto felino de caça e sobrevivência é constante, tanto durante as brincadeiras de pegar e arranhar objetos até na reação a situações desconfortáveis ou de perigo (você já deve ter notado a mudança brusca de postura do gato quando está em novos ambientes, por exemplo). Quando o animal é confrontado com um objeto de formato e tamanho desconhecido, é natural sua estranheza, principalmente no caso de legumes como um pepino, facilmente associável à répteis e anfíbios pela cor. Repare que além de tudo, os vídeos são gravados num momento de total relaxamento do bichano, quando está se alimentando ou descansando, o que potencializa o susto.

Sendo assim, o susto pode ser gerado com outros brinquedos de plástico, frutas ou legumes, ou nem assuste alguns gatos. Contanto que seja novidade para o animal, seu mecanismo de defesa irá interpretar como uma ameaça, tentando afastar sair da situação o quanto antes.

 

Não assuste seu gato com pepinos!

O problema do susto são suas consequências. Assim como os seres humanos, os gatos podem desenvolver fobias e estados de estresse prolongados, tornando o alvo de medo algo a ter referência a outros objetos durante o cotidiano. Um animal estressado tem mudança comportamental grande porque está sempre em postura de defesa.

Outro problema é o perigo mais comum do gato se machucar e quebrar coisas. O pulo e desespero para sair do lugar é tão forte que torna o dono incapaz de controlar para onde o pet vai e o que vai atingir. Risco de morte, por menor que seja deve ser evitado, não é mesmo?

Em caso de trauma, o ideal é readaptar gradativamente ao objeto que sente medo, recomendado até em situações de repulsa à caixa de transporte. O processo é voltar a sensação de conforto e segurança, mas é fundamental a presença de um profissional, porque uma vez errado o tratamento, o medo e fobia pode ser intensificado.

 

É bom lembrar que pepino é saudável para a alimentação felina!

É bom lembrar que pepinos são saudáveis para a alimentação felina!

 

Uma vez esclarecida esta dúvida, podemos agora aproveitar uma boa salada com nosso amiguinho gato, né?!

 

 

Referência de Imagens:

Gatos e Pepino, Sem Medo de Pepino

Principais fontes de Pesquisa:

Época, Diário de Biologia, O Hoje


Anterior: Brinks: o Pit Bull resgatado que nunca deixa de sorrir! Próximo: George Graham Vest: “O Cachorro é o Melhor Amigo do Homem”