Os cuidados com o seu aquário

Os cuidados com o seu aquário

 Aquários são bonitos, charmosos e podem ser um importante item de decoração para alguns ambientes de sua residência. Mas, seja por paixão ou mesmo como item de decoração, esses recipientes necessitam de uma série de cuidados e atenção especial.

Fique atento ao espaço reservado para o aquário em sua casa. Na verdade, a maior parte dos cuidados com peixes e aquários varia de acordo com a espécie escolhida para a criação. Por isso, é muito importante que se tenha domínio e conhecimento total sobre a espécie (origem, alimentação, necessidades especiais, etc)

 Para a casa e o aquário: 

Algumas dicas ajudam a melhorar a qualidade de vida dos aquários, peixes, e é claro, da sua casa. Assente o aquário sobre uma placa de isopor de no mínimo 1cm de espessura. Isso trará mais estabilidade e evitará alguns possíveis acidentes. Outra boa dica é que a placa do filtro biológico ocupe o máximo possível da superfície do fundo do aquário.

A temperatura da água e o quão salina ela é varia de acordo com cada espécie de peixe. Ex.: peixe tropical = 26C ± 2C. Procure se informar antes de adquirir qualquer espécie.

Alimentação: 

Os peixes comem de 2 a 3 vezes por dia. O recomendável é que a alimentação dure de 3 a 5 minutos. Para manter uma boa dieta, é aconselhável que as rações oferecidas contenham ao menos 40% de proteínas. Além disso, troque sempre a alimentação dos peixes para evitar doenças nutricionais. Além da ração, é interessante dar alimentos vivos ao menos 1 vez por semana para os peixes.

A chegada ao aquário

  • Ao comprar um peixe, deixe o saquinho dele boiando por 10 minutos, para igualar a temperatura, e depois faça pequenos furos para equilibrar o pH e dH. Depois de 1 hora, solte o peixe. Não jogue a água do saquinho dentro do aquário estabilizado.
  • Para introduzir um novo habitante, recomenda-se que seja feita uma quarentena (deixe o peixe em um aquário separado por 40 dias).

Cuidados básicos: 

  • Ilumine o aquário de 8 a 12 horas por dia, mas lembre-se que a luz direta do sol auxilia no aumento de algas e da temperatura do aquário.
  • Lave muito bem as mãos sempre que for mexer no aquário.
  • Não use remédios no aquário principal. Trate os doentes no aquário hospital, separados dos demais.
  • Não use cascalho ou pedras pontiagudas, pois isso pode apresentar riscos a seu peixe, e também a você.
  • Nunca bata no aquário.

 Atenção para a água: 

  •  Água esverdeada significa que o aquário está com excesso de luz.
  • Água amarelada aponta quantidade extra de matéria orgânica.
  • Água marrom significa excesso de algas marrom, ou seja, há pouca luz.
  • Água turva significa que há abundância de alimentação no aquário.

Não escolha o peixe pela beleza! Saiba as informações sobre a espécie, cuidados básicos, curiosidades, entre outras informações.

Apesar dos vários cuidados, aquários são elegantes e deixam um ar muito bacana em qualquer recinto que estiverem.

Encontre os produtos-chave para o seu aquário:

Teste para água salgada

Teste para água doce 

Aquário para Beta 

Ração básica para peixes

 

Fonte


Anterior: Um cantinho especial Próximo: Padaria para eles! Conheça a The Dog Bakery