Gatinho de casa nova

Todo dono de gato sabe que este pet, como bom territorialista que é, não aprecia mudanças radicais. No entanto, tem horas que a mudança de lar é inevitável, e a adaptação pode ser extremamente tranquila e nada traumática ao bichano. Pensando nisso, o Meu Amigo Pet separou importantes dicas para adaptar o gatinho à sua casa nova. Confira!

É interessante que alguns dias antes da mudança, o proprietário deixe, na caixa de transporte, cobertor, brinquedos, petiscos e coisas que o felino está familiarizado para que, quando ele passar algumas horas dentro dela, na hora do tranporte para a casa nova, esse processo não seja traumático.

No dia da mudança, é importante que o pet fique resguardado em um cômodo com água, comida, caixa de areia e brinquedos. Assim, ele evita o estresse do ambiente entra-e-saí e não corre o risco de fugir até ser transportado. Quando for levá-lo à casa nova, evite que a caixa de transporte fique em um local que balance muito ou mesmo bata muito sol. Isso é muito importante para o bem-estar do animal.

Ao chegar na casa nova, deixe o animal trancado com água, comida, caixa de areia e brinquedos por pelo menos duas horas. Esse é o tempo em que ele poderá se adaptar, explorar e se familiarizar com o novo ambiente.

Dica Meu Amigo Pet: Quer fazer com que o gatinho se adapte mais rápido a seu novo lar? Antes de deixar ele explorar a casa, esfregue um pano em seu pelo e passe pelos móveis da casa. Isso ajudará o felino a sentir seu cheiro e se identificar com o novo
ambiente.

Agora ficou bem mais fácil deixar seu pet feliz em uma nova casa, não é?

Se você vai se mudar, pense no bem estar do seu gatinho. No Meu Amigo Pet, você encontra as melhores ofertas de caixa para transporte, para seu felino ficar seguro e feliz. Confira!


Anterior: Raças: Ragdoll Próximo: Como evitar que os gatos arranhem os móveis?