Curiosidades e cuidados sobre as calopsitas

Curiosidades e cuidados sobre as calopsitas

A Calopsita é uma ave originária da Austrália e muito conhecida por sua simpatia e sociabilidade. Além de carinhosos, os pássaros desta espécie podem aprender a assobiar canções inteiras e até mesmo falar; normalmente os machos tendem a ser mais falantes. Elas podem viver de 10 a 20 anos, são muito companheiras e, normalmente, morrem de velhice.

Embora muitos não saibam, existem pelo menos 13 colorações diferentes para esta ave incrível. Algumas delas são: a cinza (mais reconhecida e normalmente são as mais encontradas na floresta), pérola, de cara amarela, de cara branca, platinum, entre outras. A cor fica de acordo com o gosto e critério do seu futuro dono.

Como qualquer pet, estas aves têm personalidade, e as calopsitas têm de sobra. As avezinhas são reconhecidas por seu jeitão bem brincalhão, mas também ficam irritadiças, pedem atenção e carinho, são curiosas natas e gostam de uma boa sonequinha.

As calopsitas normalmente se alimentam de rações já prontas, que são vendidas em petshops e supermercados. As rações normalmente são feitas a base de alpiste, arroz cateto, painço amarelo, painço branco, painço verde, painço vermelho, aveia descascada, girassol comum e girassol rajado. E é claro, água, muita água!!

Atenção!!! Alimentos que devem ser evitados: folhas de batata, tomate, feijão, sementes e caroços em geral (principalmente os de maçã, damasco, cereja, pêra, ameixa, pêssego), gordura, cafeína, chocolate, alface, abacate e sal.  Como cada pessoa, os pets têm necessidades especiais em sua dieta, portanto, tenha cuidado para não se empolgar.

Não existe gaiola ideal para uma calopsita, apenas um ambiente com espaço suficiente para ela viver, se alimentar e que caiba alguns brinquedos é mais do que suficiente.

 

Para os interessados e aos que já possuem esta ave lindinha e incrivelmente simpática, o blog do Meu Amigo Pet faz um adendo: aves também gostam de demonstrações de afeto e carinho. Nunca deixe de dar os cuidados básicos de cada espécie, além, é claro, de cobrir o seu pet com muito amor.

 

Fonte: Clube das calopsitas http://www.clubedascalopsitas.com.br/


Anterior: O cachorro ideal Próximo: Novo membro, novos cuidados!