Centro da Costa Rica se dedica a resgatar e cuidar de animais selvagens

Para os verdadeiros admiradores de animais, nenhuma frase faz mais sentido do que aquela que diz: “quem ama cuida”. Não é por acaso que vemos por aí um monte de organizações em prol de animais abandonados e contra os maus tratos. Pensando nisso, um projeto na Costa Rica resolveu aderir a causa dos animais selvagens.

Criado em 2009, o Jaguar Centro de Rescate (nome em espanhol) nasceu a partir da iniciativa de um casal de biológos europeus, após presenciarem a necessidade de cuidar dos animais selvagens. O nome da instituição foi escolhido pelo fato de um jaguar ter sido o primeiro animal a ser socorrido pelo projeto. Infelizmente, o animal não resistiu, mas ficou a homenagem a ele e a dedicação aos próximos socorridos.

De acordo com um dos voluntários do Centro, Raoni Santos, os animais não são exatamente abandonados, como cães e gatos de rua. O Centro é voltado para o resgate e recuperaçãoo de animais selvagens. “Muitos dos animais que chegam aqui são vítimas de ataques de cães de rua, outro problema grave da região, já que há excesso de animais de rua. Chegam, ainda, animais acidentados, eletrocutados (por andarem nas fiações elétricas), que caíram de árvores e vítimas de ataques humanos”, explicou.

O projeto não recebe verba governamental. O voluntário explica que existe um programa de adoção, no qual as pessoas físicas ou instituições privadas podem patrocinar auxiliando os animais. “Ainda existe a possibilidade dos turistas visitarem o centro”, sugere Santos.

Ainda segundo o voluntário, vale lembrar que isso é um centro de resgate, ou seja, a ideia é que todos animais que estão hoje no centro, um dia possam ser reintroduzidos na natureza.

O projeto de voluntariado é aberto ao público . Para participar, você tem que apenas enviar um email afirmando sua vontade e ter as vacinas em dia (febre amarela, tuberculose e um teste negativo para doença). No Brasil, esse teste pode ser feito em qualquer posto de saúde, é de graça e demora 25 dias para sair o resultado.

“Esse projeto é exclusivo da Costa Rica, na cidade em Puerto Viejo. Porém, existem muitos centros de resgates por aí no mundo”, concluiu Raoni.

Raoni é um brasileiro que resolveu se mudar para Costa Rica para de dedicar a uma causa muito digna: o bem-estar dos animais. Você também pode fazer igual ele e ajudar algum instituição, nacional ou estrangeira, que cuide de animais. Muito mais do que carinho, os animais precisam de respeito e dedicação. O Meu Amigo Pet apoia esta causa!


Anterior: Raças: Cornish Rex Próximo: Conflito entre gatos: como proceder?