Ajudando sua fêmea durante o cio

Ajudando sua fêmea durante o cio

O período do cio é delicado para donos de cachorras e gatas não castradas, já que no caso de roedores, peixes e aves não há o sangramento e mudança comportamental tão forte quanto o dos felinos e caninos. Para colaborar nesta fase vamos te ajudar a entender algumas características como:

  • O primeiro cio de cadelas acontece por volta de 6 a 7 meses em raças pequenas e 15 a 18 meses para grande porte, repetindo o ciclo a cada 6 meses com duração de 21 dias, em média. Não há menopausa e quando para o sangramento continuam férteis por até uma semana;Cachorrinha-fofa
  • Já com as gatas, ocorre a partir do 4º ou 6º mês de vida, porém a volta do cio pode ser em um mês após o parto ou a cada dois meses em casos de falta de acasalamento ou o animal não ficar gestante, com variação conforme temperatura e tipo de raça. A duração é em média de 8 a 12 dias;
  • É identificado o cio em cachorras pelo sangramento, aumento da vulva e cauda constantemente levantada, e em gatas há a inquietação sexual acompanhada de miados fortes e agudos;
  • As cadelas ficam mais sensíveis, enquanto as gatas podem urinar em móveis e tentar desesperadamente sair atacando janelas e portas;tudo-gato-comportamento-felino_arranhando-fora_02a

Como lidar?

  • Se não quer o cruzamento, precisa manter o pet dentro de casa com muita dedicação. Mesmo no quintal, cachorros tentarão entrar de várias formas, e a insistência de sair das felinas é incontrolável;
  • Repare nas mamas constantemente. Ao menor sinal de endurecimento ou presença de leite, a fêmea pode sentir dor, perda de apetite e febre, precisando de atendimento veterinário;
  • Fraldas e calcinhas ajudam muito porque impede sujar a casa enquanto protege de contaminações. Existem vários modelos e tamanhos para o conforto de sua amiguinha;

6

  • Não reprima seus instintos de monta. Ofereça uma almofada para se esfregar, adequando necessidade e conforto para a convivência;5
  • Paciência é a palavra-chave! O animal terá muita alteração comportamental, desde carência até nervoso, mas se a opção por não castrar prevaleceu, ela precisará de carinho e compreensão. A recompensa do amor de seu pet valerá a pena.

tumblr_md2kyooyd11r5gxovo1_500

 

Referência das Imagens:
Cachorra de lacinhoGata ArranhandoCadela com Calcinha Pet Gata com Pelúcia e Cachorra Fofa.


Anterior: Mulheres e a Luta Pelos Direitos dos Animais Próximo: Mitos sobre Animais de Estimação